Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013

"Julia & Julie": Amy Adams retorna ao Smithsonian

Imagem
Mais um filme que combina o Instituto Smithsonian e a atriz Amy Adams (o anterior é o "Uma Noite no Museu 2", lembram?, tema do post anterior a este). Em "Julia & Julie" , Amy é Julie Powell e retorna ao Mall (como é conhecida a longa alameda que concentra os museus do instituto, em Washington D.C.) para visitar a cozinha de Julia Child (interpretada por uma surpreendente Meryl Streep). A Sra. Child é a famosa autora do livro "Dominando a Arte da Culinária Francesa", de quem Julie é fã e em quem se inspirou para escrever um blog sobre comida. A história rendeu esse filme bacana, dirigido por Nora Ephron. 

Uma Noite no Museu Smithsonian

Imagem
Fotos deste post: divulgação A segunda noite no museu se passa no grandioso Instituto Smithsonian, um corredor cultural composto por dezenove museus e localizado em Washington D.C. Desta vez, Larry Daley (Ben Stiller, perfeito para o divertido papel), que se transformou num ocupadíssimo business man, recebe um pedido de socorro de Jedediah (Owen Wilson, por quem eu caí de amores desde “Meia Noite em Paris”), informando que os amigos do antigo guarda noturno do Museu de História Natural de Nova York estão em perigo. Todos saíram de circulação, foram guardados nos arquivos do Smithsonian e estão sendo perseguidos pelo temido faraó Kahmunrah (Hank Azaria), que ameaça destrui-los. Larry deixa suas obrigações em Manhattan, e corre para a capital federal americana para salvar a trupe composta pelos antigos companheiros noturnos e por novos conhecidos, como a aviadora americana, Amelia Earhart (Amy Adams). Assistir “Uma Noite no Museu – 2” é um excelente pretexto para conhecer

Harry Potter na Plataforma 9 3/4

Imagem
Divulgação O ano letivo começava e rotina escolar se repetia: Harry Potter (Daniel Radcliffe) e seus amigos, Rony Weasley (Rupert Grint) e Hermione Granger (Emma Watson), seguiam até a King Cross Station , em Londres, para pegar o trem expresso rumo a Howgarts, a escola de magia mais famosa do planeta. Quando chegavam à estação ferroviária, eles se dirigiam até a Plataforma número 4 e, num rompante corajoso, entravam parede adentro de mala e cuia (ou melhor, mala e coruja!) e saiam do outro lado, naquela que ficou conhecida como a Plataforma 9 ¾ . Dali, o expresso os transportava para mais um ano de muita magia e aventura, proporcionada pela busca da destruição “vocês sabem de quem”.  Para os ‘trouxas’ que desejarem conhecer o lugar e imitar o bruxinho em sua experiência mágica, a direção da King Cross deixou um carrinho de bagagens virado para a parede que foi usada no filme, e que leva uma placa com o nome "Plataforma 9 3/4". Garanta a sua foto de recordação, mas

"O Talentoso Mr. Ripley" no Caffè Latino, em Roma

Imagem
Quem assistiu " O Talentoso Mr. Ripley " deve ter curtido a cena em que o invejoso Tom Ripley (Matt Damon) acompanha o playboy Dickie Greenleaf  (Jude Law) na night romana. O destino? O Caffé Latino , que, apesar do nome, trata-se de uma das melhores casas de shows da capital italiana. No filme, os rapazes sobem no palco da casa e acompanham um músico numa das canções mais famosas do repertório cinematográfico italiano: " Tu Vuo´  Fa l´Americano " (dia desses, comentei sobre ela no filme "Começou em Nápoles", com Clark Gable e Sophia Loren). Jude Law, por sinal, mandou - e cantou! - muito bem na interpretação desta cena.  Se você está de viagem marcada para  Roma e quer repetir a experiência, siga para a Via di Monte Testacio, 96, o endereço da balada que faz locais e turistas dançarem todas!!!  Saiba mais, acessando Caffe Latino di Roma . Se você vai ficar por aqui mesmo, assista o filme e acompanhe os rapazes na animação. Sua noite vai fica

Rachel Weisz, Tom Hiddleston e a Aldwych Station em "Amor Profundo"

Imagem
 Um filme ‘noir’ em todas as cenas. Colorido, mas com cara de preto-e-branco. Em “ Amor Profundo ” ( The deep blue sea ) somos apresentados a uma Rachel Weisz intensa, vivendo a personagem Hester Collyer, na Londres da década de 1950. Hester é profundamente apaixonada pelo piloto aéreo de guerra, Freddie Page (Tom Hiddleston), apesar de casada com um importante juiz do Estado, William Collyer (Simon Russel Beale). O caso amoroso é descoberto pelo marido, que a abandona, mas nega o divórcio. Hester vai morar com Freddie e viver o amor que sempre desejou para si. Enquanto para ela, o mundo gira em torno desse homem; Freddie continua gostando dela, mas não deixa de lado a sua sede pela vida, pelos esportes, pelos pubs, e anseia voltar a trabalhar com aviões (algo que ele não fez desde o fim da guerra). Quando Freddie esquece o aniversário de Hester, ela tenta o suicídio, mas fracassa em sua intenção. A partir de então, o relacionamento dos dois entra em deterioração: para ele é im

Quando Harry encontrou Sally numa delicatessen...

Imagem
Divulgação Harry (Billy Crystal) encontrou-se com Sally (Meg Ryan) pela primeira vez, para pegar uma carona com a jovem de Chicago à Nova York. Desde então, não se largaram mais... pelo menos é o que acreditamos com a declaração de amor eterno no final do filme " Harry & Sally, feitos um para o outro " (apesar dos dois terem dificultado muito para isso acontecer). Uma das primeiras 'dificuldades' foi criada por Sally que, para tirar onda com o rapaz de como um homem pode ser manipulado na hora 'H', resolveu mostrar - em público - como é possível uma mulher fingir um orgasmo e o parceiro nem perceber.  A divertida cena foi uma das mais comentadas do filme de 1989, dirigido por Rob Reiner, e é sempre a mais lembrada quando alguém decide fazer um lanche na Kat´z Delicatessen (205, East Houston Street), local das filmagens desta cena em especial. Até hoje, existe uma placa sobre a mesa que serviu de cenário com o texto "Você está sentado onde Harr

Kalokairi x Skopelos: a ilha de Mamma Mia!

Imagem
Donna (Meryl Streep) é uma mãe solteira e sua filha, Sophie (Amanda Seyfried), está prestes a casar-se com Sky (Dominic Cooper). Acontece que o maior desejo de Sophie é conhecer o pai e que este a leve até o altar, naquele que deve ser o dia mais importante da sua vida. Ela descobre um diário antigo da mãe e, através dele, toma conhecimento de que pode ser filha de qualquer um dos três antigos namorados de Donna. Assim, querendo descobrir o mistério em torno da sua paternidade, ela convida todos – Bill (Stellan Skarsgard), Sam (Pierce Brosnan) e Harry (Colin Firth) – para o seu grande dia. A partir dai, a confusão – e a diversão – tomam conta de Kalokairi, a ilha onde Donna mora e administra um hotel. A fictícia Kalokairi é, na verdade, a grega Skopelos , uma das vinte quatro ilhas que formam as Espórades, em pleno Mar Egeu. Foram filmadas ali as cenas da igreja, das canções na praia e as do barco de Bill. Eu soube que, depois de Mamma Mia!, a ilha de Skopelos nunca mais foi a

"Lendas da Vida", golfe e coaching em Savannah

Imagem
“Lendas da Vida” ( The Legend of Bagger Vance ) é uma joia a ser descoberta por quem ainda não teve a chance de assisti-lo. Robert Redford dirigiu um filme com uma história bem contada, de estética impecável e uma bela mensagem no final.  Na Savannah da década de 1920, Rannulph Junuh (Matt Damon) passa de ‘grande esperança local como jogador de golfe’ para ‘um homem amargurado pelos soldados que perdeu nos campos de batalha’, de uma guerra que teve que comandar e da qual saiu derrotado. Esta situação o transformou profundamente e ele, amargurado, entregou-se ao álcool. Pouco depois do seu retorno à cidade, mais de uma década depois do fim da guerra, Junuh encontra sua ex-mulher, Adele Invergordon (Charlize Theron), tentando promover um grandioso torneio de tênis para pagar as dívidas que o seu pai deixou com a construção de um belíssimo campo de golfe, o Krewe Island, inaugurado – desafortunadamente – logo no inicio da Grande Depressão Americana. Para bancar o prêmio do

"A primeira noite de um homem"

Imagem
O título, a história, a performance convincente de Dustin Hoffman e dos outros atores, e até as locações, tudo isso contribuiu para colocar “A Primeira Noite de Um Homem” entre os maiores sucessos do cinema, fazendo-o constar na 17ª posição entre os 100 Maiores Filmes de Todos os Tempos! Nele, Benjamin Braddock (Hoffman) retorna à Los Angeles recém-saído da universidade. Logo que chega em casa, seus pais oferecem uma festa em sua homenagem, o que deixa o rapaz angustiado por ter que responder – sem ter respostas para isso - sobre o que pretende fazer do seu futuro. Dentre os curiosos convidados, uma delas tem outras intenções. Trata-se da Sra. Robinson (Anne Bancroft, que ficou marcada pela brilhante interpretação que deu a personagem) que, naquela mesma noite, tenta seduzir o rapaz. Sob o pretexto de precisar de carona, ela leva Benjamin até a sua residência (a casa usada no filme está localizada em North Palm Drive, Beverly Hills) e tenta, sem sucesso, um contato – digamos –