"Antes do Pôr-do-Sol" em Paris


"Antes do Pôr-do-Sol" (Before Sunset, 2004) é uma maravilhosa continuação para "Antes do Amanhecer" (Before Sunrise, 1995). Quando assisti o primeiro filme não imaginei que o segundo poderia ser tão bom quanto. Fui surpreendida pois, para mim, o filme em Paris consegue superar o seu antecessor. 

Em "Antes do Amanhecer", Jesse e Celine se conhecem num trem para Viena e passam a noite juntos, conversando muito, frequentando os bares da cidade, conhecendo lugares e compartilhando opiniões sobre a vida e o mundo. Era fatal os dois apaixonarem-se. Na despedida, combinaram de se encontrar seis meses depois, na mesma estação de trem em Viena...


Em "Antes do Pôr-do-Sol", 9 anos passaram-se desde o último beijo na estação de Viena. Jesse transforma-se num escritor de sucesso e vai até Paris divulgar seu livro 'This Time". Lá, hospeda-se na Shakespeare and Company e dá uma entrevista coletiva para a imprensa. Celine toma conhecimento do evento e vai encontrá-lo.


Sabendo deste encontro tão romântico, eu não poderia deixar de fora uma visita até a 'Shakespeare and Company' e conferir de perto o ambiente frequentado tanto por Jesse, como por Ernest Hemingway (que fala muito dela em 'Paris é Uma Festa'). A famosa livraria, dedicada a promover escritores da língua inglesa, também pode ser vista no filme de Woody Allen "Meia Noite em Paris".  Anote o endereço: 37, rue de La Bucherie (ela fica muito próxima da Notre Dame.)


Jesse, que tem algumas horas na cidade até o seu avião partir no fim da tarde, convida Celine para um café. A parisiense leva-o até o 'Le Pure Cafe', uma cafeteria com a cara e o jeito de Paris. Lá, os dois colocam quase uma década de conversa em dia. Em determinado momento ela pergunta-lhe "Quais são os seus problemas?", ao que Jesse responde: "Agora, não tenho nenhum". Preciso falar mais alguma coisa? Celine realmente tem motivos para se apaixonar pelo americano. 


O 'Le Pure Cafe' fica no número 14 da rue Jean Mace. Se for a Paris e curtir a ideia de conhecer um café de cinema, regado a um bom romance, este é o lugar ideal. Acesse o site do café para saber mais sobre o seu menu e horários.


No decorrer do filme e da conversa, fica óbvio que os dois pombinhos jamais esqueceram um ao outro. Porém, agora a situação de ambos é diferente. Jesse casou e tem um filho. Celine trabalha para uma organização governamental e tem um namorado fotógrafo trabalhando numa guerra.


Após a caminhada pelo parque, eles chegam até o Quai de La Tournelle e tomam um bateau mouche rumo ao Quai Henri IV. Um passeio bem turístico e recomendado. É gostoso ver Paris direto do Sena.


Durante o passeio pelo Rio Sena, Jesse conta uma estória sobre a Notre Dame no momento de uma das guerras, quando um soldado alemão se recusou a destruir a catedral, encantado com a sua beleza.


Após muitas declarações e explosões de sentimentos, Jesse leva Celine até a sua casa, na Court de l´Etoile d´Or, antes de partir para o aeroporto e a América. Será que eles iriam - mais uma vez - abandonar um ao outro e esquecer de tudo que passaram juntos? Deixo o final para que você, se ainda não o viu, fazer isso.

Comentários

  1. Fran, sucesso esses dois filmes e os seus comentários e o melhor, a sua foto no Shakespeare & Co... ah que saudade, preciso de um pouco de Paris esse ano hihi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo, obrigada!!! Eu adoro tanto este filme e a livraria, que voltaria tranquilo a Paris só para fazer um passeio a 'La' Jesse e Celine... Bjs.

      Excluir

Postar um comentário

Fale conosco

POSTS MAIS VISTOS

"Encontro de Casais" no paraíso chamado Tahiti

Filme de viagem: "O Turista" no Hotel Danieli, em Veneza

"007 - Cassino Royale" e as locações em Veneza

"O Código Da Vinci" em Paris e Londres

Sex and the City 2: Abu Dhabi x Marrakesh